Ouça agora na Rádio

Destaques

Compartilhe agora

Setembro Amarelo: Psicóloga de Machadinho destaca a importância da saúde mental

Postado em 22/09/2021 por

Feature image

O mês de setembro desde o ano de 2014 é direcionado para prevenção ao suicídio e por isso também denominado “Setembro Amarelo”. O serviço de psicologia do município de Machadinho orienta a população sobre a identificação de sinais de alerta e fatores de risco sobre o tema.

A psicóloga Marinna Morosini, que atua no município, esclarece os principais fatores de risco para o suicídio “ Pessoas que já tem história prévia, que se automutilam, histórico de transtorno mental, esquizofrenia, depressão, bipolaridade, pessoas que sofrem ou sofreram bullyng ou o ciberbullyng nas redes sociais, pessoas que já vivenciaram violência no convívio familiar, pessoas com histórico de suicídio na família e abuso sexual, pessoas que fazem usos de álcool e drogas além de pessoas em grupos de vulnerabilidade” destacou.

Estar atento a sinais de alerta pode corroborar como uma alternativa de tratamento precoce e eficaz. “Devemos prestar atenção a sinais de alerta como a mudança de comportamento, demonstram falta de esperança, ideias suicidas, pessoas que param de adotar cuidados pessoais, hábitos alimentares, pessoas que de repente passam a ter vícios, se isolam da família e dos amigos, pessoas que diminuem o rendimento escolar ou pessoas que começam a se auto agredir” destacou a psicóloga.

 A saúde mental, assim como outros fatores na sociedade, foi extremamente afetada pela pandemia. Marina ressalta que assim como os profissionais de saúde a população em geral passou ou está passando por experiências traumáticas e isso desencadeia o estresse pós-traumático com uma demanda significativa na busca do suporte para a saúde mental. Por isso falar em Setembro Amarelo, é mais do que nunca estar atento às necessidades criadas a partir das difíceis experiências vividas durante a Covid-19.

O serviço de psicologia do município está disponível para agendamento de consultas e suporte necessário para atender a demanda local. Caso você necessite ou saiba de alguma pessoa que precisa de apoio ou orientação, busque ajuda.

Por Assessoria de comunicação

Deixe um comentário

Ao enviar um comentário você concorda com nossas politicias de comentários, saiba no link ao lado. política de comentários