Ouça agora na Rádio

N Notícia

© REUTERS / Kyodo

FOTO: © REUTERS / Kyodo

Pyongyang estaria se preparando para destruir local de testes de mísseis balísticos

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, se comprometeu a destruir o cosmódromo Sohae onde supostamente foi testado o míssil de longo alcance Hwasong-15, segundo afirmou à agência de notícias Reuters um oficial dos EUA que preferiu ficar anônimo.

Informações compartilhadas Sputnik Brasil

"A Coreia do Norte usou este sítio para testar motores de propulsão líquida para seus mísseis balísticos de longo alcance", disse.

O polígono Sohae, situado no noroeste da península coreana, foi supostamente estabelecido em 2008 e inclui uma torre para apoiar os mísseis balísticos.

A Coreia do Norte fez um progresso rápido na pesquisa nuclear no ano passado, efetuando o teste nuclear mais forte até agora e testando uma série de mísseis balísticos intercontinentais. Depois de uma enxurrada de esforços diplomáticos ter culminado na cúpula de 12 de junho, Pyongyang concordou em recuar e desnuclearizar.

Na segunda-feira (18), o vice-chanceler sul-coreano, Lim Sung-nam, disse que é necessário um plano de ações específico para que a Coreia do Norte possa implementar a sua promessa de desnuclearizar o país.

Mais cedo, a mídia sul-coreana relatou que Pyongyang possui centenas de instalações relacionadas com a atividade nuclear e de mísseis. Em particular, as autoridades norte-americanas supostamente detectaram cerca de 3.000 instalações nucleares na Coreia do Norte, o que poderia significar que a inspeção de locais e as conversações sobre a desnuclearização vão levar muito tempo.

Em maio, Pyongyang destruiu três minas de testes no polígono de Punggye-ri, bem como eliminou postos de segurança e outras instalações relacionadas.

 

FONTE: SPUTNIK BRASIL
Link Notícia



Peça sua Música

Previsão do Tempo