Ouça agora na Rádio

N Notícia

CC0 / Pixabay

FOTO: CC0 / Pixabay

Mídia: Facebook continuou informando empresas sobre usuários apesar de promessa de 2015

A administração do Facebook forneceu informações pessoais de seus usuários para várias empresas, apesar de ter prometido em 2015 parar com esta prática, informa The Wall Street Journal.

Informações compartilhadas Sputnik Brasil

Segundo o jornal norte-americano, a rede tinha acordos com "um grupo seletivo de companhias, algumas das quais tinham acesso especial à informação dos usuários". A matéria sublinha que tais acordos funcionaram "bastante depois daquele momento em 2015, quando a rede social disse ter privado completamente os desenvolvedores do acesso a esta informação".

As novas informações quanto ao assunto, prestadas pelas fontes do jornal, são comprovadas pelos documentos judiciais a que os jornalistas obtiveram acesso, indica o artigo.

Informações anteriores sobre a existência destes acordos nunca foram divulgadas. Entre os parceiros do Facebook estavam a companhia financeira RBC Capital Markets e a fabricante de automóveis japonesa Nissan Motor Company.

Em particular, a rede permitiu às empresas receber informações sobre os telefones de usuários, bem como estatísticas com as quais era possível saber a proximidade das relações entre eles.

A publicação frisa que os acordos acima mencionados não estavam relacionados com os acordos que a Facebook tinha com pelo menos 60 grandes fabricantes de celulares e outros dispositivos.

 

FONTE: SPUTNIK BRASIL
Link Notícia



Peça sua Música

Previsão do Tempo